sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Aldeia Brasil

“Ê laiá!” Terá festa do cabide na minha oca! Estão todos convidados!
Os “conquistadores” caras-pálidas alemães principalmente! Mas só entra quem largar as calças no saguão do aeroporto.
Um “conhecido” mora com a esposa na Alemanha, afinal ambos são alemães. A mulher nunca pisou aqui e acha que todos nós andamos pelados, vivemos de coleta e somos nômades. Acho que farei uma dança-da-chuva pra ver se com um temporal daqueles essas pragas não aparecerão mais por aqui. Virou festa tirar a roupa em público! Mas também, não é para menos, né? Quem deveria nos representar com responsabilidade, principalmente aos olhos do mundo, não o faz. Com o desgosto de ver o Ruminante-Chefe desfilando com suas Havaianas (“As legítimas” – ou seriam “pirateadas”?) em frente a toda a imprensa na usina de dessalinização em Fernando de Noronha, o que as pessoas de fora não pensarão a nosso respeito? Dê-me licença só por um instante que vou ali fazer pintura de guerra no corpo para exaltar aos deuses e caçar para, em seguida, comer o coração da minha presa ainda quente e pulsante.

Um comentário:

  1. ah, mas a culpa é 'nossa', a imagem do país quem faz somos nós.

    ResponderExcluir